Profissionais da área já estão acostumados com as rotinas de auditoria em Shopping Center.

Afinal, muitos empreendimentos têm dificuldades de se sustentar a longo prazo. Ou mesmo lutam para manter um evolução de performance saudável mês após mês. Raramente conseguem administrar bem ativos, despesas, investimentos, contratos e processos operacionais.

Se você não tem costume de incluir esse processo na sua gestão, veja o que isso significa e como o acompanhamento objetivo de um negócio pode contribuir para seu crescimento. Confira!

Quais são os principais tipos de auditoria a que um Shopping pode se submeter?

A auditoria é uma avaliação sistemática do funcionamento de uma empresa em busca de problemas com conformidade legal, gargalos operacionais, mapeamento de processos e detalhamento de informações contábeis.

Em qualquer área, existem três tipos de auditoria principais.

Auditoria externa

É aquela realizada por instituições independentes para investigação de questões legais envolvendo o funcionamento de uma empresa.

O caso mais comum de auditoria externa é de órgãos públicos em busca de conflitos fiscais, condições de trabalho etc. Também existem empresas privadas que realizam auditorias para assegurar o uso de seus produtos e serviços, como distribuidores de software.

Auditoria interna terceirizada

Na auditoria externa, a motivação do processo geralmente é uma denúncia ou indício de irregularidade. Mas essa avaliação também pode ser utilizada pela própria empresa como forma diagnosticar performance operacional e saúde financeira em um determinado período.

O modelo mais efetivo é a contratação de uma empresa especializada, capaz de dar uma visão de fora sobre os maiores desafios e oportunidades da sua gestão.

Auditoria interna própria

Sem parcialidade e vícios de rotina que a sua equipe invariavelmente possui, a auditoria terceirizada pode ser considerada sim a melhor opção, mas nem sempre é possível contratar sempre esse serviço.

Por isso é importante também criar um calendário para auditorias próprias, onde você e os gerentes de outros departamentos analisam indicadores de desempenho, levantam dados financeiros e fazer um mapa abrangente da saúde do negócio com frequência mais adequada.

Qual é a importância da auditoria em Shopping Center?

A grande sacada dos Shopping Centers — que os faz tão populares e lucrativos — é a união de um mix grande e variado de comércio. Mas, por que alguns desses conseguem ir além e se destacar no mercado com eficiência administrativa?

A resposta a essa pergunta está ligada à capacidade de quem administra o negócio de oferecer as condições que cada loja precisa para crescer por conta própria, mas com um controle que a torne parte fundamental de um organismo maior.

Essa é a função da auditoria em Shoppings. Pode parecer, a princípio, um processo invasivo, mas o verbo auditar tem muito mais a ver com análise e ajustes.

O processo coleta dados importantes sobre atendimento, satisfação dos clientes, público visitante e performance econômica. Com essas informações em mãos, é mais fácil fazer mudanças e investimentos que melhorem a performance do Shopping Center e consequentemente a do lojista.

Sem uma visão geral de como as lojas estão se comportando, como a operação global do Shopping se integra e qual é a real capacidade de crescimento do negócio no mercado em volta dele, é mais difícil tomar decisões com informações claras para o futuro. É como dirigir apenas seguindo a estrada, sem um mapa ou sinalização.

Como o Ease Controller.net pode ajudar no trabalho de auditores e garantir resultados positivos?

O maior valor de uma auditoria é fornecer dados que podem ser utilizados como estratégias reais de crescimento e consolidação.

Mas, como coletar informações em um volume tão grande e ainda conseguir trabalhar com elas de forma objetiva? A tecnologia é sua maior aliada nesse ponto. Os sistemas de gestão ou ERP — como o Ease Controller.net — são softwares obrigatórios para quem quer gerir um Shopping Center com eficiência e produtividade.

Isso porque a integração dessas informações torna a avaliação operacional e financeira cada vez mais fácil e produtiva. Até porque esse é o objetivo maior da auditoria em Shopping: corrigir os pontos fracos, reforçar os fortes e focar todos os departamentos no crescimento mútuo.

Que tal então continuar pesquisando sobre a sua relação com os lojistas? Viste nosso post sobre como administrar contatos do jeito certo!

Escreva um comentário