E-book ERP para Shopping - blog grupo easePowered by Rock Convert

De centro de compras a espaço de lazer. Há algum tempo, os Shoppings Centers deixaram para trás a característica única de espaços exclusivamente de consumo e passaram a ser ambientes de diversão para toda a família.

Com o advento da tecnologia, as lojas virtuais ganharam força, consequentemente, os Shoppings precisaram se reinventar para continuar atraindo as pessoas e estimulando o consumo, o que só foi possível graças à inserção de atividades de diversão no Shopping e serviços.

Confira neste artigo quais as principais tendências para o setor e como se destacar nesse segmento!

Espaço makers

Quer melhor maneira de aprender do que brincando? Essa é a proposta do movimento maker, que estimula a criação de produtos a partir de materiais já existentes, trabalhando a criatividade e uma nova forma de aquisição de conhecimento. A metodologia já é aplicada em instituições de ensino e empresas, mas ela tem ganhado cada vez mais espaço nos Shopping Centers.

A fim de estimular a presença de famílias nesses centros de compras, os gestores têm adotado os espaços makers como alternativa à diversão. Nele, as crianças têm a oportunidade de desenvolver novas ideias, assumindo o papel de agentes transformadores na nossa sociedade.

Com a ideia de estimular o aprendizado e trazer novidades para os centros de compras, antenados às tendências futuras, os gestores podem (e devem!) apostar nos espaços makers. Para criá-los é necessário investir em ferramentas tradicionais e também de marcenaria, mas também máquinas digitais como as impressoras 3D.

O objetivo é que esses itens ajudem a prototipar diversas soluções, estimulando o conhecimento das crianças enquanto os pais podem fazer as suas compras  tranquilos.

Franquias de recreação

Outra tendência de diversão no Shopping é a franquia de recreação. De 2018 a 2019 houve um crescimento de 6,9% no segmento de entretenimento e lazer, comparando os primeiros trimestres, segundo a Associação Brasileira de Franchising.

O segmento de entretenimento é um dos que mais cresce quando se fala em Shoppings, justamente, pelo motivo relatado no início do artigo: que esses centros de compras estão se voltando cada vez mais ao lazer. Os números não deixam mentir e mostram isso como uma alternativa de variação de serviços.

A ideia básica das franquias de recreação é promover entretenimento para as crianças enquanto os pais ou responsáveis podem cumprir as suas obrigações, sem terem que se preocupar. Além das atividades, tais espaços devem oferecer todo o suporte, com monitores qualificados, que garantam a integridade das crianças. As atividades podem incluir brincadeiras, tarefas manuais, simulações, projetos artísticos, dentre outros.

Áreas gastronômicas

Mais um espaço de diversão nos Shoppings e que promete aperfeiçoamento ao longo do tempo são as áreas gastronômicas. Temos visto cada vez mais diversidade no oferecimento de opções de alimentação, mas também praças mais dinâmicas que favorecem a interação.

Os restaurantes se tornaram verdadeiras atrações, ou seja, não só oferecem refeições, mas também entretenimento. A ideia é que tais estabelecimentos façam da hora das refeições verdadeiros eventos.

Por isso os restaurantes têm focado em oferecer pratos como obras de arte, eventos com chefes e decorações temáticas. Em meio a uma praça de alimentação é preciso se destacar, logo, é interessante que os restaurantes conheçam cada vez mais o seu público para poder se adaptar à realidade do público-alvo do Shopping.

Eventos

Os eventos realizados nas dependências dos Shoppings Centers tendem a crescer. Comumente, temos aqueles associados a datas comemorativas tradicionais, como Dia das Mães, Dia dos Pais, Dia dos Namorados, Natal, dentre outros.

No entanto, tais centros comerciais têm recebido cada vez mais exposições de artes, festivais, lançamentos de filmes, feiras gastronômicas, encontros de grupos de fãs. Enfim, tais espaços se tornaram multiúso, as pessoas não precisam apenas ir até eles com o intuito de comprar, mas também podem ir exclusivamente para participar de ações de seu interesse pessoal.

Aliás, a gestão desses espaços tem incentivado cada vez mais esse tipo de iniciativa. Isso porque é uma oportunidade também de atrair um público mais heterogêneo, o que contribui para os melhores resultados do negócio e maior abrangência dos serviços.

Experiências multissensoriais

Com mais espaços sendo destinados ao entretenimento, os gestores podem criar experiências diferenciadas, as chamadas multissensoriais. Para atrair as gerações super conectadas, as atividades voltadas à realidade virtual ou aumentada, por exemplo, ganharão força.

Espaços já existentes, como é o caso de cinemas e parques temáticos dentro dos Shoppings, serão redesenhados para promover a maior interatividade, criando um momento único de lazer. Não podemos nos esquecer que isso impactará o interesse das pessoas, afinal, elas passarão a ter um papel mais ativo em seu entretenimento.

As lojas aplicarão tecnologias como as apresentadas em seus espaços, tornando a compra um momento de lazer, afinal, ela deixa aquele aspecto puramente comercial de lado e coloca o cliente em ação. A ideia é que o cliente sinta que ao adquirir determinado produto ele remeta aos sentimentos associados à satisfação.

Espaços diferenciados

O próprio design dos Shoppings está mudando para se adaptar à nova realidade. SPAs, salões de beleza, cinemas, parques, jardins… O centro comercial que antes era voltado única e exclusivamente para a compra agora quer se consolidar também como um espaço de encontro e socialização.

Nesses casos, o design é um dos grandes personagens da diversão no Shopping. A ideia é criar espaços temáticos e cênicos, favorecendo uma maior aproximação do consumidor. Consequentemente as pessoas passarão a compartilhar tais momentos nas redes sociais, aumentando a visibilidade dos Shoppings Centers.

Quando falamos de diversão em Shoppings Centers temos um vasto mercado a ser trabalhado. Vários centros já têm explorado as tendências mencionadas neste artigo   o grande segredo para se destacar é justamente buscar um diferencial. Procure entender o que atrai o seu público-alvo, quais as demandas dos novos clientes que você quer atingir e, principalmente, faça parcerias.

Atualmente, existe uma série de iniciativas que procuram espaços de maior visibilidade para poder divulgar os seus projetos. Que tal conhecer mais sobre elas? Lembre-se de que poderá ser uma excelente oportunidade para inserir de maneira mais eficaz a diversão no Shopping.

Para garantir a eficácia da inserção do entretenimento é preciso planejar. Falando justamente em planejamento, confira mais um de nossos posts e aprenda qual a melhor maneira de estabelecer o seu mix de produtos!

Solicite Demonstração - blog grupo easePowered by Rock Convert

Post relacionado

Escreva um comentário